« Página Inicial

0

candidaturas

Bolsa de Investigação Full-time

de Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto em Porto (Publicado em 03-04-2020)

Encontra-se aberto um concurso para a atribuição de uma bolsa de investigação na área das Ciências Veterinárias, no âmbito do Projeto ??PRINT-ON-ORGANS ? ENGINEERING BIOINKS AND PROCESSES FOR DIRECT PRINTING ON ORGANS? (REFª POCI-01-0247-FEDER-033877), em curso no ICBAS, cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do COMPETE 2020 ? Programa Operacional de Competitividade e Internacionalização (POCI), nas seguintes condições:

1. Área Científica: Medicina Veterinária e afins

2. Requisitos de admissão:
Podem candidatar-se a esta bolsa todos os indivíduos que reúnam cumulativamente os seguintes requisitos, comprovados documentalmente:

a) Ser estudante inscrito/a num doutoramento na área de Ciências Veterinárias, Ciências Biomédicas ou áreas afins;

b) Ser detentor/a de Mestrado Integrado ou Mestrado em Medicina Veterinária ou em áreas afins;

c) Conhecimentos de clínica e cirurgia de animais de companhia, equinos e/ou ruminantes;

d) Experiência em trabalho na área de Biologia Celular e Molecular.

Caso a habilitação tenha sido conferida por instituição de ensino superior estrangeira terá de ser reconhecida por instituição de ensino superior portuguesa, nos termos do disposto no artigo 25.º do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, que aprova o regime jurídico de reconhecimento de graus académicos e diplomas de Ensino Superior, atribuídos por instituições de ensino superior estrangeiras e a alínea e) do n.º 2 do artigo 4.º do Decreto-Lei n.º 60/2018, de 3 de agosto, devendo quaisquer formalidades aí estabelecidas estar cumpridas até à data do ato de contratação.

3. Condições de preferência:
a) Conhecimentos de ensaios in vitro de citocompatibilidade e de ensaios in vivo de biocompatibilidade, nomeadamente experiência no modelo rato e ovino;

b) Fluência na língua inglesa, falada e escrita;

c) Integração em equipa(s) de investigação que trabalha(em) na área de ensaios de citocompatibilidade/ ensaios de biocompatibilidade / ensaios pré-clínicos de biomateriais e terapias celulares;

d) Conhecimentos de clínica e cirurgia de animais de companhia, equinos e/ou ruminantes;

e) Disponibilidade imediata (a mencionar na carta de motivação).

4. Plano de trabalhos:
O recurso a tecnologia robótica tem obtido cada vez maior impacto na área da medicina. Aliado a isso, a utilização da fabricação aditiva (vulgarmente conhecida por impressão 3D) para a produção de substitutos biológicos faz com que a medicina dê passos largos para responder às novas realidades. Este projeto procura trazer estas avançadas tecnologias (usadas atualmente em ambiente de laboratório) para o ambiente clínico. Resumindo, este projeto consiste no desenvolvimento de um robô para a impressão direta in situ de materiais em tecidos e/ou órgãos danificados de forma customizada e minimamente invasiva. O projeto não só conta com o desenvolvimento do robô, mas também com a implementação de um novo procedimento cirúrgico, revolucionando a medicina atual, abrindo portas para procedimentos mais rápidos, customizados, com tempos de recuperação mais reduzidos e estimulando a autorregeneração dos tecidos, de modo a mimetizar todas as características e propriedades do tecido e/ou órgão existente inicialmente.

O/a bolseiro/a terá as seguintes tarefas ao longo do projeto:
a) Testes e validação in vivo.

Este projeto pretende desenvolver um sistema celular capaz de produzir fatores de crescimento para a regeneração tecidular, combinando as formulações de scaffold imprimidas e esterilizadas no robô com o sistema celular. A avaliação do comportamento biológico pré-clínico dos scaffolds imprimidos in situ, em modelo animal será feita de acordo com a norma ISO 10993-6(E) e a Diretiva Europeia 86/609/EEC, após aprovação do protocolo pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) e pela Comissão de Ética da Universidade do Porto - Organismo Responsável pelo Bem-Estar Animal (ORBEA) do ICBAS-UP-UP. Nos testes de biocompatilidade serão utilizados ratos Sasco Sprague Dawlwy. Nos ensaios in vivo de avaliação do potencial de regeneração tecidular, optando por focar-nos na regeneração do tecido ósseo e músculo-esquelético, serão utilizados ovinos adultos. A tarefa contempla a implantação dos scaffolds com e sem associação de DPSCs em defeitos críticos na asa do íleo, no modelo ovino. Os animais serão intervencionados em ambas as asas ilíacas para realização de 2 defeitos críticos/ovino. A tarefa contempla ainda a implantação dos scaffolds imprimidos e esterilizados através do robô, com e sem associação de DPSCs em defeitos críticos do músculo-esquelético tibial anterior, no modelo ovino. Para a recolha das amostras após o período de implantação (3 meses), os animais serão eutanasiados e as amostras serão recolhidas e cortadas em peças individuais para posterior análise por histologia, histomorfometria e imunohistoquímica.

5. Legislação e regulamentação aplicável:
Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, na redação atualmente em vigor e o Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e Tecnologia, aprovado pelo Regulamento n.º 950/2019.

6. Local de trabalho: O trabalho será realizado no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS-UP), sob a orientação científica da Professora Doutora Ana Colette Pereira de Castro Osório Maurício, Professora Associada com Agregação do ICBAS-UP.

7. Duração da bolsa: A bolsa terá a duração de 9 meses, em regime de exclusividade.

8. Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa corresponde a 1064 ?, conforme a tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País. O pagamento será realizado pelo ICBAS por transferência bancária. Além deste subsídio, o/a bolseiro/a será abrangido por um seguro de acidentes pessoais.

9. Métodos de seleção:
Avaliação curricular (AC) e, caso o júri entenda necessário, entrevista (E) aos/às 3 candidatos/as mais bem classificados/as na AC. A classificação final será obtida pela seguinte fórmula: 0,6 x AC + 0,4 x E, numa escala de 0 a 20/100 pontos. Não havendo entrevista, a classificação final será igual à obtida na AC.

Os fatores alvo de avaliação curricular são:
a) Currículo académico, científico, técnico e profissional e a sua adequação ao programa de

b) trabalhos (50 pontos);

c) Conhecimentos de ensaios in vitro de citocompatibilidade e de ensaios in vivo de biocompatibilidade, nomeadamente experiência no modelo rato e ovino (25 pontos);

d) Integração em equipa(s) de investigação que trabalha(em) na área dos ensaios de citocompatibilidade / ensaios de biocompatibilidade / ensaios pré-clínicos de biomateriais e terapias celulares (25 pontos).

Os fatores de avaliação da entrevista de seleção, caso a mesma venha a ser realizada, serão:
a) Conhecimentos específicos para a realização do plano de trabalhos (50 pontos);

b) Motivação para as atividades previstas (25 pontos);

c) Capacidade de expressão e atitude (25 pontos).

Com base na lista de seriação final será constituída uma lista de reserva, a qual será utilizada para a eventual contratação de novos bolseiros no âmbito do presente projeto ou no caso de desistência do/a candidato/a classificado em primeiro lugar. Na eventualidade de nenhum /a dos/as candidatos/as demonstrar possuir o perfil indicado para a realização do plano de trabalhos o júri reserva-se o direito de não atribuir a bolsa a concurso.

10. Composição do Júri de Seleção:
Presidente ? Professora Doutora Ana Colette Pereira de Castro Osório Maurício (ICBAS);

1º Vogal efetivo ? Professora Doutora Ana Lúcia Luís (ICBAS);

2º Vogal efetivo ? Professora Doutora Carla Maria Mendonça (ICBAS);

1º Vogal suplente ? Professor Doutor Luís Miguel Atayde (ICBAS);

2º Vogal suplente ? Engenheira Ana Brandão (Biosckin, SA).

11. Forma de publicitação/notificação dos resultados:
Os resultados finais da avaliação serão divulgados através do envio da(s) ata(s) via correio eletrónico indicado pelos/as candidatos/as no seu Curriculum Vitae/Carta de Motivação.

Os/as candidatos/as têm um prazo de 10 dias úteis, a contar do dia imediato ao da notificação, para se pronunciarem, querendo, em sede de audiência prévia aos interessados, ao abrigo dos artigos 121.º e seguintes do Código do Procedimento Administrativo (CPA).

12. Forma de apresentação das candidaturas e prazo de candidatura:
O concurso encontra-se aberto até 20 de abril de 2020 (até às 23h59, hora local). As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através de email para o endereço [email protected], com conhecimento para [email protected] indicando no assunto a referência ?ICBAS | 1 BI | Print On Organs?, acompanhado dos seguintes documentos:

a) Carta de motivação;
b) Curriculum vitae;

c) Cópia do(s) certificado(s) das habilitações exigidas;

d) Quaisquer documentos que os/as candidatos/as entendam ser relevantes para apreciação do seu mérito.

Solicita-se que os comprovativos sejam anexados diretamente à mensagem de candidatura, sem recurso a links para plataformas/drives externas. De forma a garantir a leitura de todos os documentos o formato preferencial de gravação é o Portable Document Format (.pdf). Os ficheiros devem ser designados com o primeiro e último nome do/a candidato/a e não ultrapassar, no seu conjunto, 5 MB. Estes poderão ser comprimidos em formato .zip.


Empregos recentes de Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto


Visto: 133 vezes
« Volte para a categoria
Considera esta oferta falsa? Denuncie!   
Recomendar a um amigo
« Página Inicial
Receba Ofertas de Emprego
no seu Email:
Facebook Twitter Rss