« Página Inicial

Este anúncio de emprego tem mais de 90 dias ...

0

candidaturas

Investigador Principal Full-time

de Instituto de Higiene e Medicina Tropical em Lisboa (Publicado em 30-09-2019)

EDITAL Abertura de procedimento concursal documental internacional para recrutamento de um posto de trabalho para Investigador Principal na Área de Doenças Transmitidas por Vetores: Vetores.REGIME DIREITO PRIVADO Nos termos do artigo 9.º do Regulamento n.º 393/2018, publicado na 2ª série do Diário da República, nº 123, de 28 de junho, relativo às carreiras, ao recrutamento e aos contratos de trabalho de investigadores em regime de contrato de trabalho da UNL (doravante ?Regulamento?), faz-se saber que, por despacho de 27 de fevereiro, do Reitor da Universidade Nova de Lisboa, Professor Doutor João Sàágua, está aberto, pelo prazo de 30 dias úteis, a contar do dia imediato ao da publicação deste Edital, procedimento de recrutamento para um posto de trabalho , em regime de contrato de trabalho a termo resolutivo incerto, em regime de direito privado, de Investigador Principal na área científica de Ciências Biomédicas no Instituto de Higiene e Medicina Tropical, desta Universidade. O presente procedimento de recrutamento é documental, tem caráter internacional e rege-se pelas disposições constantes no artigo 11.º e seguintes do Decreto-Lei n.º 57/2016, de 29 de agosto, alterado pela Lei n.º 57/2017, de 19 de julho. O presente concurso é aberto ao abrigo do contrato programa para apoio ao desenvolvimento de atividades de I&D, celebrado entre a FCT, I. P., e a UNL e em conformidade com o previsto no n.º 4 do artigo 28.º do Regulamento do Emprego Científico (REC), publicado no Diário da República pelo regulamento n.º 607 -A/2017 de 22 de novembro. I ? Despacho de autorização do Reitor ? A abertura do presente concurso foi autorizada através do Despacho n.º 94/2019, do Reitor da Universidade Nova de Lisboa, de 27 de fevereiro, proferido após a celebração do acima referido Contrato-Programa entre a FCT, I. P. e a UNL, a confirmação da existência de adequado cabimento orçamental e de que o posto de trabalho agora concursado se encontra previsto no mapa de pessoal do Instituto de Higiene e Medicina Tropical da UNL e aí caracterizado pela categoria. II ? Enquadramento: O IHMT/GHTM, possuí uma vasta tradição e o reconhecimento internacional em diferentes vertentes da investigação das doenças transmitidas por vetores. Nos últimos anos têm sido desenvolvidas abordagens laboratoriais e de campo, num espectro que vai da biologia básica dos vetores e sua interação com os organismos patogénicos, à saúde publica e controlo vetorial. O IHMT/GHTM possui insectários de nível ACL2, onde são criadas várias espécies de mosquitos e mantidos os ciclos de vida completo de alguns organismos patogénicos. Mais recentemente estamos a implementar um insectário de segurança ? ACL-3 (VIASEF), incluído no Portuguese infrastructures roadmap, e que se espera ficar operacional no final de 2018. O presente edital enquadra-se no contexto desta infraestrutura (VIASEF) e tem por objetivo dinamizar a sua utilização e aumentando a sua atividade científica, num esforço coletivo para a aumentar a sua visibilidade na comunidade científica internacional. III ? Descrição do posto de trabalho: 1) Local de Trabalho: Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa, Rua da Junqueira, N.º 100, 1349-008 Lisboa, Portugal 2) Conteúdo Funcional: a) Cabe ao investigador principal executar, com carácter de regularidade, atividades de investigação e desenvolvimento e todas as outras atividades científicas e técnicas enquadradas na missão do Instituto de Higiene e Medicina Tropical e do seu Centro de I&D Global Health and Tropical Medicine. b) Participar na conceção de programas de investigação e desenvolvimento e na sua tradução em projetos e publicações; c) Coordenar e executar projetos de investigação e desenvolvimento; d) Desenvolver ações de formação e acompanhar os trabalhos de investigação desenvolvidos pelos bolseiros, pelos estagiários de investigação e pelos assistentes de investigação; e) Orientar e participar em programas de formação da instituição; f) Prestar serviço docente em termos a definir em regulamento interno próprio O procedimento é aberto para recrutamento de um posto de trabalho na Área Científica de Doenças Transmitidas por Vetores, com ênfase nos vetores. O trabalho a desenvolver estará em linha com os objetivos de desenvolvimento sustentável: 3- Saúde e Bem-Estar, 5- Igualdade de Género 13- Ação Climática e 17- Parcerias para o desenvolvimento. Disponível em http://www.un.org/ga/search/view_doc.asp?symbol=A/RES/70/1&Lang=E 3) Remuneração: Valor correspondente à categoria de Investigador Principal (220) da Carreira de Investigação Científica. IV ? Requisitos: 1 ? Nos termos do número 1 do artigo 11.º º do Estatuto da carreira de Investigação Científica, é requisito geral para a candidatura ao presente concurso: a) Ser titular do grau de doutor na área de ciências biomédicas ou biológicas ou afins e ser detentor de currículo científico relevante na área do concurso. 2 ? São requisitos específicos: a) Experiência em vetores de arboviroses e/ou outras doenças transmitidas por vetores prevalentes nos trópicos; b) Perfil orientado para a interação vetor organismos patogénicos e competência vetorial de doenças com potencial pandémico. c) Capacidade de associar as atividades desenvolvidas no laboratório com aquelas desenvolvidas nas áreas endémicas (Laboratório/Campo) d) Experiência em produção e manutenção de insetos e) Experiência em infecção experimental de vetores f) Experiência em algumas das seguintes áreas: a. Investigação em imunidade e vacinas b. Susceptibilidade/Resistência aos inseticidas/repelentes c. Avaliação de novas formulações e estratégias de controlo d. Biologia vectorial e da infecção e. Virologia g) Obrigatório o domínio da língua Inglesa. h) Dá-se preferência a candidatos com curriculum claramente internacional. V ? Apresentação da Candidatura: 1 ? Os candidatos apresentarão as candidaturas em suporte digital, presencialmente no Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa ou por via postal para a morada Rua da Junqueira, n.º 100, 1349-008 Lisboa. 2 - O processo de candidatura deverá ser instruído com a documentação a seguir indicada: a) Requerimento, utilizando formulário disponível em www.ihmt.unl.pt; b) Certidão comprovativa do grau de doutor na área científica requerida; c) Curriculum do candidato, organizado de acordo com a sistemática do ponto V deste Edital; d) Projeto de desenvolvimento científico do candidato se propõe desenvolver, alinhado com as atividades do Centro de Investigação GHTM; e) Trabalhos mencionados no CV; 3 ? A candidatura deve ser apresentada em suporte digital devendo o candidato gravar em quatro USB Flash Drive todos os documentos mencionados no ponto IV-2 deste Edital. Os documentos deverão apresentar-se na forma de PDF. O Flash Drive deverá ter no exterior a identificação do candidato. 4 - As candidaturas devidamente instruídas com os documentos supramencionados no n.º IV, deverão ser apresentadas no prazo de 30 dias úteis, a contar da publicitação do Edital em Diário da República. 5 - A falta de quaisquer documentos probatórios, que não puder ser oficiosamente suprida, determinará a rejeição da candidatura.6. Os candidatos devem obrigatoriamente, sob pena de exclusão da candidatura, organizar o respetivo curriculum vitae, de acordo com a sistemática do ponto VI do Edital. VI - Critérios de avaliação: Os critérios e ponderações, com vista à avaliação dos candidatos admitidos, aprovados pelo júri, são os seguintes: 1. Mérito Científico (MC) ? (0-100) ponderação 60%: 1.1. Capacidade de Inserção nos sistemas de financiamento nacionais e internacionais (com ênfase nos Programas internacionais) expressa em: a) projetos financiados coordenados pelo candidato: (0-20) b) projetos financiados em que o candidato é responsável pela participação da Instituição a que pertencem: (0-10) 1.2. Direção/Coordenação/Liderança de equipas de investigação científica: (0-15) 1.3. Produção científica com particular incidência na autoria e coautoria de: a) artigos publicados em revistas internacionais indexadas; (0-25) b) livros ou capítulos de livros científicos; (0-05) c) patentes; (0-05) d) comunicações em congressos internacionais e nacionais; (0-05) 1.4. Capacidade para orientação de trabalhos de pós e pré-graduação expressa em orientação e coorientação ao nível de pós-doutoramento, doutoramento, mestrado; (0-15) 2. Mérito Pedagógico (MP) ? (0 ? 100) ponderação 10%: 2.1. Coordenação de projetos académicos/pedagógicos: cursos (mestrado, pós-graduação e outros) na área científica/académica a que diz respeito o concurso; (0-50) 2.2. Participação em projetos académicos/pedagógicos: cursos (Mestrado, pós-graduação e outros), planos de estudo na área científica/académica a que diz respeito o concurso; (0-20) 2.3. Coordenação e participação em projetos académicos/pedagógicos internacionais; (0-20) 2.4. Atividade letiva/formativa (carga e diversidade); (0-10) 3. Mérito de Outras Atividades Relevantes (MOAR) ? (0-100) ponderação 10%: 3.1. Atividades de extensão universitária, nomeadamente na a) organização de cursos de especialização e atualização; b) exercício de atividades de consultoria; c) prestação de serviços à comunidade; (0-50) 3.2. Atividade de Gestão Universitária e Científica, nomeadamente na participação em órgãos de gestão, no exercício e cargos de direção e coordenação de atividades científicas e pedagógicas e na participação ativa na criação e gestão de bibliotecas, laboratórios e outras infraestruturas e serviços relevantes das Instituições Universitárias ou Centros de Investigação a que pertenceram. (0-50) 4. Mérito do Projeto de Desenvolvimento Científico (MPDC) ? (0-100) ponderação 20%: O mérito do projeto e o plano de atividades científicas, quer do ponto de vista individual, quer institucional, que o candidato se propõe desenvolver na área para que é aberto o concurso. O projeto deverá ser elaborado na língua inglesa e incluir: 1. Introdução/Background (1000 caracteres) 2. Plano de Investigação / Research plan (2500 caracteres) 3. Desenvolvimento de Carreira Internacional Independnete / Development of an international independent career (1000 caracteres) 4. Resultados esperados e impacto / Expected outcomes and Impact (500 caracteres) 5. Enquadramento na Instituição / Institutional framework (1000 caracteres) Na apreciação das candidaturas será dada especial ênfase aos trabalhos e atividades realizados na área do concurso em regiões tropicais, nos cinco anos anteriores à data da respetiva abertura.VII ? Composição do Júri: O Júri nomeado na sequência do Despacho Reitoral n.º 94/2019, de 27 de fevereiro, tem a seguinte composição:Presidente: Doutor Paulo Ferrinho, Professor Catedrático do Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa; Vogais: Doutor Henrique Silveira, Professor Catedrático do Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa;Doutor Paulo Almeida, Professor Catedrático do Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa;Doutora Ana Maria Luís Ramos Tomás, Professora Associada do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, Universidade do Porto. VIII - Avaliação das candidaturas: 1 - Terminado o prazo das candidaturas a Comissão de Seleção reúne para avaliação e ordenação dos candidatos. 2 - Com base na apreciação dos curricula, da sua adequação à área científica onde é aberto o concurso, das demais peças concursais e nas classificações atribuídas, conforme critérios indicadores e ponderações previstas no n.º V supra, o Júri procede à admissão dos candidatos com classificação final, em mérito absoluto igual ou superior a 50, ou à sua exclusão, quando tenham classificação final inferior a 50. 3 - Determinados os candidatos admitidos, com base nas classificações supra, o júri apresenta parecer escrito com a ordenação destes candidatos. 4 - A ordenação dos candidatos admitidos é feita por votação dos vogais, respeitando a ordenação apresentada no parecer referido no número 3 supra. 5 - Se algum candidato não for admitido será notificado para se pronunciar. VIII - Em cumprimento da alínea h) do artigo 9.º da Constituição, a Administração Pública, enquanto entidade empregadora, promove ativamente uma política de igualdade de oportunidades entre homens e mulheres no acesso ao emprego e na progressão profissional, providenciando escrupulosamente no sentido de evitar toda e qualquer forma de discriminação. 23 de agosto de 2019. - O Diretor, Prof. Doutor Paulo de Lyz Girou Ferrinho



Empregos recentes de Instituto de Higiene e Medicina Tropical


Visto: 196 vezes
« Volte para a categoria
Considera esta oferta falsa? Denuncie!   
Recomendar a um amigo
« Página Inicial
Receba Ofertas de Emprego
no seu Email:
Facebook Twitter Rss