« Página Inicial

0

candidaturas

contratação de um(a) investigador(a) doutorado(a) Full-time

de INESC Coimbra em Coimbra (Publicado em 09-01-2019)

Aviso de abertura de procedimento concursal de seleção internacional para a contratação de um(a) investigador(a) doutorado(a) ? Ref. INESCC/ UAS4LITTER /01/2019


1) Em reunião de Direção do INESC COIMBRA do dia 07 de Maio de 2018 foi deliberado abrir concurso de seleção internacional para uma vaga de investigador(a) Doutorado(a) no âmbito do Projeto UAS4LITTER, Mapeamento do lixo marinho com drones low-cost, Projecto PTDC/EAM-REM/30324/2017, suportado por Fundos Nacionais através da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. A vaga a prover, mediante celebração de contrato de trabalho a termo resolutivo incerto, nos termos aprovados na candidatura e de acordo com a legislação aplicável, destina-se ao desenvolvimento de um sistema integrado de baixo custo (software e hardware) baseado em UAS para o mapeamento de lixo marinho, com a execução das seguintes tarefas:


  • Desenvolvimento de protocolos de comunicação, planeamento de voo e georeferenciação para os diferentes UAS a utilizar na deteção do lixo marinho,
  • Desenvolvimento de metodologias de reconhecimento de padrões e algoritmos de processamento e análise de imagens (RGB e multiespectrais) obtidas por drones, tendo por objectivo detectar, classificar e mapear o lixo marinho,
  • Avaliação dos vários sistemas integrados (hardware e software) baseados em UAS para a deteção do lixo marinho utilizando métodos de análise de decisão multicritério.

2) Legislação aplicável


Decreto-Lei n.º 57/2016, de 29 de agosto (alterado pela Lei n.º 57/2017, de 19 de julho) bem como o Decreto-Regulamentar n.º 11-A/2017, e 29 de Dezembro, que aprova um regime de contratação de doutorados, destinado a estimular o emprego científico e tecnológico em todas as áreas do conhecimento (RJEC); e,


Código do Trabalho, aprovado pela Lei n.º 7/2009, de 12 de fevereiro, na sua atual redação.


3) Em conformidade com o artigo 13º do RJEC, o júri do concurso tem a seguinte composição:

1. Presidente ? Prof. Gil Rito Gonçalves, Professor Auxiliar da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.


2. Doutora Ana Filipa Bessa, Investigadora da Universidade de Coimbra.


3. Doutora Luísa Maria da Silva Gonçalves, Investigadora do INESC Coimbra.


4) O local de trabalho situa-se no Departamento de Matemática, Universidade de Coimbra, Praça Dom Dinis, 3001-501 Coimbra, Portugal.


5) A remuneração mensal a atribuir correspondente ao nível 33 da tabela remuneratória única, aprovada pela Portaria n.º 1553-C/2008, de 31 de dezembro, sendo de 2128,34 Euros. Será pago um subsídio de almoço de 4,77 Euros (por dia útil, efetivo).


6) Ao concurso podem ser opositores(as) candidatos(as) nacionais, estrangeiros e apátridas que sejam titulares de grau de doutor(a) em Engenharia Geográfica, Engenharia Informática, Matemática, Engenharia Física, Física Médica, Engenharia Eletrotécnica e de Computadores, ou em áreas similares e detentores(as) de um currículo científico e profissional que revele um perfil adequado à atividade a desenvolver. Caso o doutoramento tenha sido conferido por instituição de ensino superior estrangeira, o mesmo tem de obedecer ao disposto no Decreto-Lei n.º 341/2007, de 12 de outubro, devendo quaisquer formalidades aí estabelecidas estar cumpridas até à data do termo do prazo para a candidatura.


http://www.acm.gov.pt/pt/-/como-obter-reconhecimento-de-qualificacoes-estrangeira-1


7) Nos termos do artigo 5º do RJEC a seleção realiza-se através da avaliação do percurso científico e curricular dos candidatos.


8) A avaliação do percurso científico e curricular incide sobre a relevância, qualidade e atualidade das atividades desenvolvidas pelos candidatos nos últimos 5 anos.


9) O período de cinco anos a que se refere o número anterior pode ser aumentado pelo júri, a pedido do candidato, quando fundamentado em suspensão da atividade científica por razões socialmente protegidas, nomeadamente, por motivos de licença de parentalidade, doença grave prolongada, e outras situações de indisponibilidade para o trabalho legalmente tuteladas.


10) Perfil requerido:


Habilitação académica: Engenharia Geográfica, Engenharia Informática, Matemática, Engenharia Física, Física Médica, Engenharia Eletrotécnica e de Computadores ou similar.


Requisitos Mínimos:


a) Grau de Doutor;


b) Experiência demonstrada nos seguintes tópicos: ciências da computação, processamento de imagens e deteção remota; incluindo em qualquer dos casos experiência em modelação matemática.


.


Outros requisitos:
a) Capacidade de escrever documentos técnicos/científicos em língua inglesa;


b) Liderança, uma forte motivação para trabalhar em equipa, combinando uma excelente capacidade de organização com a capacidade de cumprir prazos;
c) Excelentes capacidades de comunicação e de estabelecimento de vínculos colaborativos com parceiros de áreas interdisciplinares.


11) A avaliação do percurso científico e curricular dos candidatos incide sobre a relevância, qualidade, atualidade e adequabilidade do seu percurso às funções a desempenhar, de acordo com as ponderações abaixo referidas, de acordo com os seguintes critérios curriculares:

C1: Qualidade do CV (escala 0-100);


C2: Experiência prévia na área (escala 0-100).


A pontuação final dos critérios curriculares (CCS) será obtida pela expressão: CCS = 0,7 X C1 + 0,3 X C2.


12) Os três melhores candidatos, de acordo com a pontuação nos critérios curriculares (CCS,) serão chamados a uma entrevista com o júri de seleção, a qual poderá ter lugar via skype ou videoconferência se o candidato o solicitar. A pontuação da entrevista (IS) será expressa na escala 0 ? 100.


13) A pontuação final (FS) dos candidatos selecionados para a entrevista será determinada de acordo com a expressão: FS = 0,9 X CCS + 0,1 X IS.


14) Das reuniões do júri são lavradas atas, que contêm o relatório da avaliação do júri, sendo facultadas aos candidatos sempre que solicitadas.


15) Após conclusão da aplicação dos critérios de seleção, o júri procede à elaboração da lista ordenada dos candidatos aprovados com a respetiva classificação.


16) Caso o primeiro classificado renuncie ao lugar, o júri do concurso poderá, caso assim o entenda, notificar o segundo candidato seriado para ocupar o lugar.


17) A deliberação final do júri é homologada pela Direção do INESC Coimbra a quem compete também decidir da contratação.


18) Formalização das candidaturas:


a) As candidaturas são formalizadas mediante requerimento dirigido ao Presidente da Direção do INESC COIMBRA, onde conste a identificação deste aviso, nome completo, número e data do Cartão de Cidadão ou de identificação civil, número de identificação fiscal, data e local de nascimento, estado civil, profissão, residência e endereço de contacto, incluindo endereço eletrónico e contacto telefónico.


b) A candidatura é acompanhada dos documentos comprovativos das condições previstas no ponto 6 para admissão a este concurso, nomeadamente:


  • Carta de motivação;
  • Cópia de certificado ou diploma;
  • Curriculum vitae detalhado;
  • Lista de publicações incluindo DOI link;

c) Os candidatos apresentam os seus requerimentos e documentos comprovativos, em suporte digital, em formato PDF, para o endereço de correio eletrónico secretaria@inescc.pt.


d) O prazo máximo de receção das candidaturas é 20 de Fevereiro 2019.


19) São excluídos da admissão ao concurso os candidatos que formalizem incorretamente a sua candidatura ou que não comprovem os requisitos exigidos no presente concurso. Assiste ao júri a faculdade de exigir a qualquer candidato, em caso de dúvida, a apresentação de documentos comprovativos das suas declarações.


20) As falsas declarações prestadas pelos candidatos serão punidas nos termos da lei.


21) Os candidatos admitidos e excluídos são notificados por e-mail. As classificações finais dos candidatos elegíveis serão enviados a cada candidato por e-mail com recibo de entrega da notificação.


22) Audiência Prévia e prazo para a Decisão Final: Após notificados, os candidatos têm 10 dias úteis para se pronunciarem. No prazo de 10 dias, contados a partir da data limite para o exercício do direito de audiência prévia, são proferidas as decisões finais do júri.


23) O presente concurso destina-se, exclusivamente, ao preenchimento da vaga indicada, podendo ser feito cessar até à homologação da lista de ordenação final dos candidatos e caducando com a respetiva ocupação do posto de trabalho em oferta.


24) Política de não discriminação e de igualdade de acesso: O INESC Coimbra promove ativamente uma política de não discriminação e de igualdade de acesso.


25) O júri aprovou este aviso na reunião realizada a 27/11/2018.


26) Nos termos do DL n.º 29/2001, de 3 de fevereiro, o candidato com deficiência tem preferência em igualdade de classificação, a qual prevalece sobre qualquer outra preferência legal. Os candidatos devem declarar no formulário de candidatura, sob compromisso de honra, o respetivo grau de incapacidade, o tipo de deficiência e os meios de comunicação/expressão a utilizar no processo de seleção, nos termos do diploma supramencionado.



Visto: 35 vezes
« Volte para a categoria
Considera esta oferta falsa? Denuncie!   
Recomendar a um amigo
« Página Inicial
Receba Ofertas de Emprego
no seu Email:
Facebook Twitter Rss